Com este post inauguro uma série de dicas sobre intérpretes e álbuns recentes e mais antigos sobre tango. Um espaço que estava faltando neste blog, ainda mais tratando-se deste blogueiro, um fanático inveterado do tango.

Começo indicando um grupo e uma intérprete: LiberTango e Soledad Villamil.

O Grupo LiberTango, formado no Rio de Janeiro,  já lançou dois álbuns: A música de Astor Piazzolla (2005) e Cierra tus ojos y escucha (2008). Seus integrantes são: Estela Caldi (piano, argentina radicada no Brasil), Alexandre Caldi (flauta, sax), Marcelo Caldi (acordeón, piano) e Marcelo Rodolfo (voz).

Grupo LiberTango (foto: Clara Grivicich)
Grupo LiberTango (foto: Clara Grivicich)

Homenageando sobretudo Piazzolla em seus álbuns, o grupo destaca-se por uma apropriação criativa e original dos temas do bandoneonista argentino. Com integrantes relacionados fortemente com a  música brasileira atual, conseguem transmitir as emoções portenhas do tango, mesmo com o acordeón substituindo o bandoneón.

Seu último álbum, Cierra tus ojos y escucha é um primor de interpretação renovada e muito respeitosa  do tango argentino, basta conferir os vídeos abaixo: Cierra tus ojos y escucha (Astor Piazzolla) e El gordo triste (Horácio Ferrer numa homenagem ao grande Aníbal Troilo).

Da Argentina, gostaríamos de indicar mais uma Soledad, não a Pastorutti, mas dessa vez Soledad Villamil, conhecida atriz que em 2007 lançou seu primeiro ábum como intérprete, Canta, e, de tão bem elaborado, foi vencedora do Prêmio Gardel em 2008.

Soledad Villamil
Soledad Villamil

Com uma bela voz, interpretações bastante fortes e um repertório de luxo, Villamil fez um belíssimo disco combinando tango e voz feminina.

Abaixo os vídeos de Palomita Blanca (Anselmo Aieta/Francisco García Jiménez) e De contramano (Francisco Canaro/Luis César Amadori).

Saudações musicais!

Anúncios