Depois de uma semana afastado de minhas tarefas blogueiras, volto para agradecer a atenção dos leitores deste humilde blog que, nos últimos dias, ultrapassou a  marca de 10.000 visitas. E, por isso, peço licença para divagar um pouco sobre o perfil dessas visitas, cujo número me surpreendeu consideravelmente.

Um dos aspectos que me alegra é que os termos de busca que desembocam aqui no blog realmente estão relacionados com os temas tratados nas postagens, o que me faz confiar na qualidade dessas visitas, ou seja, que o leitor que lê meus comentários realmente está interessado no tema, independente se a recepção ao que escrevo seja negativa ou positiva.

Entre os 5 termos mais pesquisados estão (dados de hoje, dia 07/12/2009): Porto Alegre (347), Arnaldo Antunes (182), Tiê (158), Pouca Vogal (138) e Cristina Branco (114). Entre as 5 psotagens mais visualizadas constam: A invisibilidade da música de Porto Alegre (481), Tangos e tragédias (349), Angelo Primon/Marcelo Corsetti (233), Tiê (223) e Imperdíveis! (222). Algumas disparidades entre os termos mais procurados e as postagens mais visitadas se deve à pluralidade de termos que podem levar a uma ou outra postagem, por exemplo: no post sobre o Tangos e tragédias, acessou ele não só quem procurou sobre o espetáculo, mas também aqueles que buscaram informações sobre Hique Gomes, Nico Nicolaiewsky e também sobre o Musical Saracura.

Fazendo esse balanço fico contente em perceber que o post que fiz sobre a “invisibilidade” da música de Porto Alegre, influenciado pela fala do músico Bebeto Alves no último Prêmio Açorianos foi bastante acessado, mesmo sabendo que muita gente que buscou “Porto Alegre” e chegou até aqui não  estava procurando exatamente um texto sobre esse assunto.

Também me alegra as inúmeras visitas aos textos que escrevi sobre músicos aqui de Porto Alegre mesmo (um dos objetivos principais deste blog) como aqueles sobre o Tangos e Tragédias, sobre os músicos Angelo Primon e Marcelo Corsetti e sobre Vanessa Longoni que, ao lado de comentários sobre a Monica Salmaso, integra o post intitulado Imperdíveis!. Outra agradável surpresa é a grande procura sobre a cantora portuguesa Cristina Branco, que tenho me dedicado em divulgar aqui no blog e, até que alguém conteste essa afirmação, considero-me justamente quem mais comenta sobre o trabalho dela aqui no Brasil.

Meus únicos lamentos são que os posts sobre a cantora paulista Tiê e sobre o duo Pouca Vogal (Duca Leindecker e Humberto Gessinger), apesar de muito acessados, não são muito ricos em conteúdo. Além disso, ainda pouco se procura sobre tango aqui no blog, estilo que começou a aparecer bastante nas postagens e que pretendo incrementar ainda mais sua presença aqui no blog. Mesmo assim,  a série Sempretango tem recebido visitas razoáveis. E, falando em séries, nossa seção de entrevistas Conversa Esparsa está tendo ótima recepção e ainda teremos muitas outras conversas com músicos tematizados aqui no blog.

Bom, minha divagação, por enquanto, acaba por aqui, reforçando meu agradecimento a todos aqueles que, de alguma forma, compartilham do meu interesse pelo tipo de música que apresento aqui no blog e que brindam este espaço virtual com suas visitas e leituras.

Saudações musicais!

Anúncios