Foi em meados do ano passado que, através da indicação do Marcelo Corsetti, ouvi falar pela primeira vez no nome de Queyi. A partir daí, não demorou muito para que eu ficasse encantado com algumas de suas canções e a admiração aumentasse quando a cantora e compositora espanhola fez uma participação especialíssima no show de lançamento do álbum homônimo do Realidade Paralela.

Depois disso, ainda tive a oportunidade e a honra de ver uma apresentação especial dela em um sarau e, ao lado de Ana Prada, dividir o palco novamente com o Realidade Paralela, quando no repertório foram apresentadas canções do Realidade e do recente álbum Soy pecadora de Ana.

Queyi, atualmente radicada em Montevideo, mas fazendo shows em Madrid e Buenos Aires, já lançou dois álbuns: Nada como un pez (2007) e El desayuno a mi modo (2009), nos quais faz uma síntese original, sofisticada e surpreendente entre influências do rock, do pop e do jazz, sempre com uma interpretação que transita facilmente entre a força e a delicadeza.

Nas próximas postagens teremos mais algumas novidades sobre o trabalho de Queyi e, até lá, saboreiem os dois vídeos abaixo, com performances musicais ao vivo da cantora, além de belíssimas intervenções artísticas com imagens, interagindo de forma preciosa com as canções Lorca, El desayuno a mi modo e The ninth wave, todas do álbum mais recente.

Saudações musicais!

Anúncios